Artigo

A Diretoria da Agricultura sob chefia de Machado de Assis e as solicitações de terras no Rio Grande do Sul (1876-1889)

Pedro Parga Rodrigues

Resumo: 

Trata-se de analisar a atuação da Diretoria da Agricultura em quatro processos de solicitação de terras devolutas sul-rio-grandenses por compra transcorridos entre 1876 e 1889. Este órgão era uma das quatro diretorias que compunham o Ministério da Agricultura, Comércio e Obras Públicas de 1873 até o fim do Império. Em 1876, o escritor Machado de Assis foi promovido a chefe desta repartição. Ele analisou todas as solicitações de terrenos devolutos por compra que tramitaram pela Secretaria da Agricultura. Deixou comentários lacônicos na maioria deles e alguns pareceres extensos em outros. Estudar esses processos representa, sobretudo, perceber as contingências nas quais este literato atuou como funcionário público. Embora não seja simples aferir sobre seus posicionamentos acerca da questão agrária nestes escritos ministeriais, é possível perceber nuances do campo no qual ele atuou.

Edição:

v. 3, n. 2. 2019

Data de publicação:

11 de janeiro de 2020

Dossiê: História Intelectual e Literatura

Palavras-chave: 

Diretoria de Agricultura, propriedade, Machado de Assis.

licence.png

Esta revista está licenciada com uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 International.

  • Facebook

Indexadores, Diretórios e Portais

Latindex
Sumários
Google Academico1.png
diadorim1.png